Saturday, March 3, 2018

Falsificação do aquecimento global


Esses 9,7 pés são 3 metros de distância

Os gráficos de registros de temperatura não mostram aquecimento global--pelo menos não sem "correções" com matemática tendenciosa que esfriam o passado e aquecem o presente. Mas quem procura, acha alguns termômetros que, pra inglês ver, registram aumentos na temperatura. 

Alguns termômetros que no tempo do vovô eram em campos bucólicos onde as vaquinhas pastavam contentes, hoje se acham sobre concreto, asfalto, ou nos exaustores quentes de ar-condicionados sobreaquecidos desde 1987 pela proibição do freon. Lembra do freon?

Em 1987, durante aquele colapso econômico -- com fanáticos conservadores proibindo folhas de planta e fanáticos econazistas proibindo energia, combustível e ar condicionado -- a tese era que o hemisfério Sul gerava tanto freon que os pinguins na Antártica estavam prestes a virar galeto no espeto. Só que para cada pessoa no Hemisfério Sul do planeta existem nove no Hemisfério Norte. Ou seja, onde há dois uruguaios ou catarinenses esperando ônibus no ponto, o equivalente na Europa ou EUA é 18 pessoas esperando para lotar um ônibus. Mas cadê buraco no ozônio no Polo Norte?

Repare também que as duas hostes contrárias não oferecem solução que não envolve o que Adam Smith chamou de "a violência da lei".  Todo conservador quer coagir -- jovens, mulheres, estrangeiros, outros misticismos -- a constante é a força de homens armados. E a outra corrente saqueadora, os que -- para não lembrar o nacionalsocialismo ou comunismo -- vendem esse mesmo peixe embrulhado como "esquerda", também oferecem apenas a coação, multas, prisão, impostos, ditaduras, fome e escassez, só que com menos igreja.

Apenas o partido libertário não odeia a energia, gosta de ciência, defende os direitos individuais (masculinos e femininos) e procura apenas o seu voto para impressionar os dinossauros da cleptocracia a mudarem suas leis violentas e desonestas. Os partidos Democrata e Republicano procuram deportar estrangeiros por causa de multas de trânsito ou até folhas de plantas!

Veja no livro original...

Quem não pode votar mas tem green card pode contribuir alguns dólares. Procure na internet e você não acha isso em português, mas é verdade. Quem tem green card pode contribuir uns trocados para o partido que não odeia imigrantes nem procura encher o país de sequestradores de aviões. Os cleptocratas se borram de medo de perder cargo por causa do Partido Libertário.  Eu calculo que U$10 dados a uma campanha de candidato libertário valem pelo menos U$60, normalmente U$210 e em raras ocasiões (como ocorreu em 1972) uns U$5.000 em termos de seu poder de compra de leis que defendem a liberdade.

Então, quem votou com os pés ainda possui, nos EUA, o direito de votar pela liberdade mundial com o suor do rosto. Aproveite!

E precisando de tradutor oficial, procure tradutoramericano ou libertariantranslator.




No comments:

Post a Comment