Thursday, December 21, 2017

Trump e a mídia meretriz

Toda a mídia meretriz dos EUA é financiada com dinheiro do contribuinte. A lei que transfere esse dinheiro foi aprovada por Richard Nixon nas mesmas 24 horas em que o partido libertário se organizou. (Os libertários são contra a agressão).

Esta mídia subsidiada e a congênere na Inglaterra juraram de pés juntos, cara limpa e mãe mortinha que o Reino Unido jamais escaparia do campo de concentração alemão que hoje é a União Europeia. Logo em seguida juraram--e os bookmakers apostaram--que o candidato que seguiu o exemplo do Ross Perot ia perder a eleição. Veja: 


Um dos jornais que mais urrava a profesia é a USA Today. Hoje esse periódico chora que
"Um presidente que triscaria na baixaria de chamar uma senadora de prostituta não se qualifica para limpar as privadas na biblioteca presidencial do Obama ou de engraxar os sapatos do George W. Bush". -- Conselho editorial do USA Today
"A president who'd all but call a senator a whore is unfit to clean toilets in Obama's presidential library or to shine George W. Bush's shoes." -- USA Today Editorial Board

Os autores desta terceira declaração qualificam como jornalistas? Vejamos a opinião de H.L. Mencken, o melhor jornalista que os EUA já produziram: 


Journalism is to politician as dog is to lamp-post. --HL Mencken
O jornalismo é para o político como cachorro para o poste de iluminação. --HL Mencken

No caso, o especulador em imóveis que puxou da sarjeta um partido proibicionista falho, fedendo a nazifascismo evangélico, agora virou jornalista? Antes jornalista do que político! Posso assegurar ao leitor brasileiro que republicano só fala a verdade quando fala sobre os democratas, e vice-versa. 

Quando precisar de traduções oficiais para soluções jurídicas ou políticas, volte para amigra.us, seu tradutoramericano.com amigo na migra americana e canadense. Veja também juramentada.us

Meu outro blog é www.libertariantranslator.com 


No comments:

Post a Comment